quarta-feira, julho 26, 2017

Somados à subtração....

caso,
 somos dois perto da parte indiscreta do sol,
solução,
deixar estar a brisa inconstante da razão aqui, ao pé do ouvido do coração,
e quatro vezes tudo isto,
 a partir daqui, só o tempo passa,
o tempo?,
morreu,

eu nunca quis mais nada dele que o tal suspiro final traduzido num volto já inspirador, o sorriso

Não gosto das coisas assim....

Desumanizado assim,
Estás á espera do tempo em
Que as coisas fiquem secas de
Tanto esperarem que o tempo passe,
E a serenidade de tudo isto?

Viver assim são parcelas de um
Todo encaixado nas estrelas,

Se te digo isto é porque sim,
E porque não gosto da força que
Os nãos têm quando se desfazem...


.....está calor, porra!!!!

Foto de NME.

sexta-feira, julho 14, 2017

Filhoriso

Puto és a mania solidária de ser vida,
Sorris quando o meu sorriso já é um cadáver decomposto pelo passar dos anos,
És a curiosidade de todos os dias com a felicidade de crescer,
És sorriso, 
Milhões de bem dispostas cócegas a vida de rotina que nos empurra para não se sabe onde,
E no fim do dia diferente dos séculos que isto tudo já leva,
És o ser que afasta a irrisória noção de fim que nos rata os bolsos com os segundos incompletos da vida...

terça-feira, julho 11, 2017

Terça à noite...

. ... é para rir a dormir,
Sonhar ironicamente,
É para gritar o mundo só presta ás vezes acreditando nos dias invisíveis para o tornar melhor,...

Somando frases,
Gritos paralelos de incompleta quietude,
É para dizer aos falhados que o sol nasce também aos bocados para eles, 
E á chuva para que nunca pare de sorrir,
É para escrever talvez com todos os nãos a fazer-nos chorar,
É para chorar até morrer e renascer todos os milhões de vezes que conseguirmos,...

É para fazer muito mais que tudo isto que não é nada,....


E no fim recomeçar pensando que o sucesso reequilibra as milhões de pãginas que a vida nos empresta para escrever e depois deitar fora guardando 

Feito todos os tempos que conheço...

Enfrento a frase insubstituível dos dias de chuva,
Fazer o mesmo dizendo que o resto são segundos vazios, 
Primeiro eu subtraído de todos os eus desconhecidos, 
Depois a parte descolorida de muitos todos vós,
E depois a parte menos incerta de respirar, 
Suspiro,
Suspiros,
...o tempo a caminhar sozinho como sempre quis ser..


sexta-feira, julho 07, 2017

(Des)gosto

gostava de gostar assim como quem desgosta de gostar o que nunca ninguém gostou, 
mas gostando de gostar, 
gostar de tudo o que não se gosta torna-se mais fácil de gostar...

Publicação em destaque

Somados à subtração....

caso,  somos dois perto da parte indiscreta do sol, solução, deixar estar a brisa inconstante da razão aqui, ao pé do ouvido do coraç...